Top Tennis

350 figuras, ilustrações e gráficos

169 páginas de alta qualidade

Texto de fácil assimilação

Totalmente colorido

Conteúdo do Site

Pesquisa


Untitled Document

 

Total de Dicas postadas: 490

Data: 19-04-2019

Número: 989

As Dicas de hoje continham abordam três assuntos sobre conceitos de “neurolinguística”, para ensiná-lo a comandar seu cérebro. Tais assuntos referem-se a ”Descontrole emocional”, “Controle emocional” e “Crença”. (Continuação das Dicas da semana passada) ...
            Através dos ensinamentos da “neurolinguística” um indivíduo é curável psicologicamente em pouco mais de meia hora. A “neurolinguística” veio substituir os antigos “tratamentos psicológicos”, que para o mesmo caso chegavam a durar anos e anos.
            Através da palavra “Crença” você tanto pode direcionar seus pensamentos negativamente para levá-lo ao degrau mais baixo de desespero, no caminho de sua morte, como também pode conduzir sua mente à determinação de vencer quaisquer obstáculos considerados por muitas pessoas impossíveis de serem superados.
            São inúmeros os casos de seres humanos trabalharem com a “Crença”, dando comando mental aos trilhões de células de seu corpo para morrerem também logo após os maiores amores de suas vidas terem deixado este mundo. Também com o uso da “Crença” são inúmeros os casos de pessoas com a vida completamente desenganada pelos médicos conseguirem sobreviver à custa da “fé religiosa” e da orientação “neurolinguística”. A “CRENÇA”, baseada nos princípios da “religião” e/ou da “neurolinguística”, comanda seus trilhões de células a trabalharem positivamente para se curarem de doenças terminais apontadas pelos médicos.
            Há anos atrás um filme fictício retratou uma viagem interna a um corpo humano feita por um grupo de médicos dentro de um submarino miniaturizado que entrou pela córnea dos olhos do doente para dar um tiro de raio lazer num local do cérebro do doente e salvar-lhe a vida. O aviso aos médicos e pilotos do submarino foi que eles teriam que cumprir sua missão num determinado tempo, pois caso o ultrapassassem as defesas orgânicas iriam atacar e comer o micro-submarino. Ou seja, você pode acionar, com a sua força mental, as suas defesas orgânicas no sentido de atingir seus maiores objetivos, como também pode, com o negativismo, afastar suas defesas orgânicas para deixar os corpos estranhos entrarem em seu corpo com mais facilidade.
Um exemplo do que falei acima é o de um aluno meu que aos primeiros pingos de chuva, quando treinávamos na véspera de ele jogar a final do Campeonato Brasileiro Juvenil, esse jovem deu um espirro e falou: “- Ih! Vou gripar!”, caracterizando a sua pressão psicológica prévia à realização do espetacular evento. Aí eu gritei! “- Não vai gripar coisa nenhuma! Vá já ...

(Continua nas Dicas da próxima semana) 

TAGS: 

Anterior - Próxima